Pedro e os Lobos e o Coro Infantojuvenil do CMDAV na terceira ronda do Sons de Vez 2020

Depois de Dead Combo e os D’alva, a 18ª Mostra de Música Moderna Portuguesa de Arcos de Valdevez leva Pedro e os Lobos e o Coro Infantojuvenil do Conservatório de Música e Dança arcuense (em participação especial) ao palco da Casa das Artes.

Pedro e os Lobos apresentam-se com o último trabalho, “Depois da Tempestade”, no auditório da Casa das Artes, já no dia 22 de Fevereiro, pelas 23 horas.

em 2010, O músico português Pedro Galhoz fundou este projecto com influências Indie Rock. Inspirado nos grandes clássicos americanos como Bruce Springsteen, a Bob Dylan, R.E.M. ou Neil Young, o último trabalho de originais da banda surge recheado de paisagens sonoras que nos fazem viajar por espaços amplos, que nos contam histórias inspiradoras de gente normal, do dia-a-dia.

Da garagem para o palco da Casa das Artes, Pedro e os Lobos contam com a participação especial do Coro Infantojuvenil do Conservatório de Música e Dança de Arcos de Valdevez nesta performance, o que resultará num momento único.

Recomendado: