Todos os artigos de “Filipe Faro da Costa”

Filipe Faro da Costa
Residente em Arcos de Valdevez, poeta, contista, tradutor.

Jacques Tati (Jaques Tatischeff (1907-1982)) é um dos ícones do cinema de comédia europeu que se inicia nos meandros cinematográficos no fim da era do cinema mudo. Realizador, argumentista e ator, Tati surge no cinema francês na década de 30 com alguma visibilidade, mas é no pós-guerra e com a chegada das tentativas de influência […]

Quis o acaso da vida que uns nascessem em berços de ouro e outros em berços de palha, não somos todos paridos pelas mesmas virgens, e essas há-as mais abastadas e menos abastadas. Na Casa de Windblow vivia a família Cobles, gente de posses e educação privada, plena de boas tradições e casamentos de conveniência, […]

Tinha pensado escrever uma crónica sobre a ditadura local, dos seus sintomas e das suas evidências, mas repensei e concluí que isso me podia causar ainda mais dissabores do que aqueles que já me obrigaram a saborear, pelo que decidi não arriscar. Um ato de covardia? Tal Vez! Depois surgiu-me a ideia de abordar o […]

Jean-Luc Godard e François Truffaut realizaram em conjunto uma das mais belas e revolucionárias curtas-metragens do cinema, “Une Histoire d’Eau” (1958), sendo um dos filmes percursores da chamada Nouvelle Vague (Nova Vaga) que revolucionaria o cinema francês e europeu, bem como muitas mentalidades dos anos sessenta até aos dias de hoje em virtude do seu […]

No Alto-Minho, no seu mais profundo e histórico território, existe uma terra banhada por um rio cujo nome e origem se perde nos meandros do tempo, o Rio Vezes. Em quase toda a sua extensão se guia e delinea por terras de dois forais, o da Vila de Canastros, assim chamada pela coragem dos seus […]